Notícias

Momentos únicos

Karolini, mãe de Davi, escolheu a missão de educar e estimular o desenvolvimento do filho

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Decidi ficar em casa para cuidar do Davi e deixar a ida à escola para um pouco depois. Às vezes nos cobram, porque a escola deixa as crianças mais independentes. Porém, desde já temos rotina. Eu, talvez para diminuir a culpa ou por simplesmente aproveitar todo o tempo, tomei para mim a missão de educá-lo e estimular o seu desenvolvimento. Tento da melhor forma possível trazer elementos novos, fazemos pinturas a dedo com lápis, brincamos no parquinho… Se comparado com uma criança que vai à escola, Davi é mais carinhoso, mais ingênuo, mais curioso e nem por isso menos capaz.

Sempre que ele faz algo de errado ou chora sem motivo, sento com ele para conversar. Há quem diga que ele não entende ainda, mais me mantenho firme, porque sei que isso faz parte da sua formação. Tanto nos nossos momentos de alegria como nos momentos de biquinho, estou aqui 24 horas para curtir cada momentinho que eu sei que é único.

Anúncio

FECHAR