Notícias

Filho único: problema ou solução?

Em 2010, a média brasileira foi, pela primeira vez, menor que 2 filhos por mulher

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

O jornal Folha de S. Paulo trouxe em seu suplemento “Folhinha” deste sábado (11 de maio) um tema bastante atual nas famílias brasileiras: os filhos únicos. Em 2010, o Brasil teve pela primeira vez na história uma média abaixo de dois filhos por mulher em nosso país. Para se ter ideia do quanto o número de filhos por mulher diminuiu nos últimos anos, na década de 50, as brasileiras tinham, em média, seis filhos.  

Muitos fatores influenciaram essa mudança, como o trabalho fora de casa, o casamento tardio e o custo mais alto de manter um filho.

 No jornal, os filhos únicos deram depoimento sobre como lidam com a falta de irmãos (e como não têm como dividir os pais, os brinquedos e os armários) – um cenário cada vez mais comum nas casas brasileiras. Para as crianças entrevistadas, a vida de filho único é boa e eles não precisariam de um irmão para brincar porque têm amigos, vizinhos e colegas na mesma situação. Já os pais apontam a superproteção e os mimos são as principais “falhas” mais comuns na criação de um só filho. 

Anúncio

FECHAR