Notícias

As crianças do tsunami

Três anos após o tsunami que devastou parte do Japão, agência mostra como vivem as crianças na cidade de Fukushima

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Há três anos o Japão, um dos países mais desenvolvidos do mundo, viu-se sem luz, água ou energia elétrica. O país foi devastado por um terremoto que ocasionou um forte tsunami. A vida segue, moradores e governo se reconstroem. Mas a vida ainda não é normal para muita gente que vive na ilha. A agência de notícias Reuters foi até a cidade de Fukushima, afetada pela onda gigante e que sofreu um acidente nuclear em uma de suas usinas. Eles mostram a rotina das crianças que moram na cidade. 

Muitas das crianças não sabe sequer o significado de brincar fora de casa. Por causa da radiação foram impostas regras que limitam a presença delas nas ruas. Crianças de até 2 anos não podem ficar mais do que 15 minutos por dia em ambiente aberto. Já as mais velhas, de 3 a 5 podem passar até meia hora por dia expostas no embiente exterior. Apesar de as regras terem sido suspensas em outubro do ano passado, muitas escolas e creches ainda aderem ao período estipulado, e os pais concordam.

Anúncio

FECHAR