Notícias

Amar é ceder

Luciana Pereira, mãe de Sofia, viu que era necessário e completou a alimentação de sua pequena com fórmula

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Luciana Pereira mãe de Sofia participa da campanha Culpa,Não! O tema do mês de Junho é  “Não dou leite comum, dou fórmula”  se você também quiser participar siga a nossa página no Facebook e mande um depoimento sobre o tema do mês para giovanna@revistapaisefilhos.com.br .  

A Sofia mama no peito desde o seu primeiro dia de vida. Mesmo assim, percebíamos que ela continuava com fome. Eu sempre achei que tinha que alimentá-la apenas com o leite materno. Depois de uma semana de choro e sofrimento – e dela perder peso, mesmo mamando bastante -, meu marido me convenceu a começar a dar a fórmula também.

Nos primeiros 5 meses foi assim: leite materno e fórmula. Como os primeiros dentinhos nasceram aos 4 meses, introduzimos as papinhas. Depois veio a alimentação completa – sempre com o peito complementando.
Ela deixou de mamar há duas semanas, com 1 ano e 2 meses, e nunca teve uma gripe forte; desconhece o que é antibiótico.

Anúncio

FECHAR

Não me arrependo de ter complementado a alimentação da Sofia quando achamos necessário, nem de amamentar até o momento que ela decidiu parar. Amar é isso: ceder pelo bem de quem é realmente importante.