Mais

Um pequeno grande evento

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Sony Fashion Weekend Kids reúne pais e filhos em dois finais de semana recheados de moda, brincadeiras e presentes no Shopping Iguatemi

Por Noelly Russo, filha de Nice e Nelson / Fotos Thiago Borba, filho de Railton e Virginia e carolina Krieger, filha de Olga e Guido

Anúncio

FECHAR

Mais uma vez, crianças e pré-adolescentes conheceram as coleções feitas especialmente para eles no Sony Fashion Weekend Kids.  Sua 12ª edição mostrou as roupas para a temporada de outono e inverno no Shopping Iguatemi, para cerca de 7 mil pessoas.

Com 11 marcas, esta já é a maior edição do evento, criado por Ana Cury. O tema desta edição foi o alfabeto, traduzido pela cenõgrafa Chris Ayrosa em um cenário interativo, que virava um brinquedo nas mãos dos pequenos. Para assistir aos desfiles, os convidados tinham de doar livros.

Segundo Ana, o evento vem ganhando importância a cada ano, tanto quanto a moda infantil se torna um assunto sério ao ganhar mais estilistas e marcas especializadas em vestir um público muito exigente: as crianças.

É brincadeira!

Cada patrocinador do Sony Fashion Weekend Kids organizou um stand para entreter as crianças entre os desfiles. Culinária foi o tema escolhido por marcas como a Piks, que ensinou a fazer pop cakes (bolinhos no palito). No stand da Kibon, sorvetes deliciosos.

A Love Blankie levou máquinas de costura e profissionais para ensinar às meninas a criar e customizar peças. Apresentadores do canal Disney Junior brincavam com as crianças, que puderam se fantasiar e viver na pele seus personagens preferidos. No stand da Livraria da Vila, oficinas musicais. No lounge da Pais&Filhos, lotado a cada intervalo, foi montado um miniestúdio, para fotografar os frequentadores-mirins. Foi de lá que saiu a capa desta edição.

Outro atrativo do evento foram os sorteios: a Cherry Blossom presenteou 11 visitantes com jóias infantis, e a agência Teresa Perez Tours sorteou passagens para 11 destinos, entre eles Miami, Dubai e Paris. Os pais também ganharam um cantinho para descansar, com patrocínio da Nestlé, que montou um stand para a Nespresso.

No ano passado, o Sony Fashion Weekend Kids foi realizado pela primeira vez fora de São Paulo. A capital escolhida foi o Rio de Janeiro.

Neste ano, mais três cidades vão ter uma edição do evento no segundo semestre: Ilha de Comandatuba, na Bahia, e Porto Alegre. As datas ainda não foram definidas, mas o resultado a gente já sabe: sucesso!

[!page]

PUC

A apresentadora Adriane Galisteu subiu na passarela para apresentar a coleção baseada na obra de Julio Verne. Ana Siewert e Dri Kameoka, analistas de estilo da marca, se inspiraram nas viagens imaginárias do autor, e criaram peças no estilo folk, com diferentes elementos étnicos e culturais para transformar as crianças em pequenos exploradores. Esse universo se traduziu em estampas de mapas, carimbos, balões, postais, fotos e elementos dos países mencionados por Julio Verne no livro “Volta ao Mundo em 80 dias", além de cortes militares, animal prints e florais. "As histórias de Julio Verne vinham da junção da imaginação e das constantes pesquisas e estudos. É esse o clima que queremos passar para as crianças", diz Ana.


[!page]

Hering Kids

A guitarra de Carlinhos Brown na abertura do desfile dava uma dica do que viria a seguir. Mergulhada no universo do rock e do blues, a coleção outono/inverno da marca trouxe listras, animal prints, sneakers e muito xadrez, em cores como preto, chumbo, pink e cinza mescla. Mas também sobrou espaço para tons de verde, azul, rosa, bordô e marrom, que têm tudo a ver com a estação. Já o blues tomou forma nas estampas de flores e pássaros, e na mistura de renda com malha e moletom. “O rock traz energia, liberdade e descontração para a coleção, e o blues é um tema romântico e lúdico com composições delicadas para as meninas e combinações sofisticadas para os meninos”, diz a gerente de produto da marca, Fernanda Tavares D'Amaral.

[!page]

Maria Bonitinha

A estilista Priscila Freitas buscou na dança a inspiração para  a nova coleção, recheada de vestidos rodados e fluidos, ultrafemininos. Em contraponto, os casacos, saias e macaquinhos – presença obrigatória nas araras da grife – vêm retinhos e com intrigantes recortes e dobraduras. Na cartela de cores, muito off-white, cinza, azul e lavanda, lisos ou em delicadas estampas. Novidades da marca, as camisetas estampadas e com muito brilho e paetê foram um dos destaques da noite.


[!page]

Tyrol

O filme Cisne Negro foi o ponto de partida para a coleção ultrafeminina e delicada de Mira Schiller. Casaquinhos e coletes de alfaiataria, inspirados na escola clássica de Chanel, faziam o contraponto, com peças mais retas e estruturadas. “Acho que é possível vestir as crianças de uma maneira moderna, sem que elas fiquem parecendo miniadultos ou o oposto: pequenos bolinhos de noiva.”  O filme “Manhattan”, de Woody Allen, foi outra fonte, de onde a estilista tirou o nude, presente pela primeira vez em sua coleção.

[!page]

2IN

O universo pop e os astros teens invadiram a passarela, ao som de Baby, do ícone adolescente Justin Bieber. O clima era perfeito para o que seria apresentado pela marca especializada em moda para os pré-adolescentes. A linha jeans surpreendeu, com tachas e estonados, e os florais e animal prints dividiram o espaço com muito brilho, paetês e metalizados. Porém, mais do que as referências, a estilista Alzira Kaimoto deu atenção especial ao que as adolescentes falavam e aos lugares que frequentavam na hora de desenhar os vestidos, t-shirts, polos e jaquetinhas que rechearam a coleção. E já avisa: o burburinho do backstage desta edição vai servir de insumo para a próxima coleção.

[!page]

Fit Nina

A estilista Renata Schmulevich foi buscar inspiração no design escandinavo dos anos 50 e 60, em especial nas peças do designer Arne Jacobsen. A simplicidade, característica desse movimento, deu o tom da coleção, com peças clean e minimalistas. Para não perder de vista o conforto, os tecidos eleitos foram o jersey, a viscose, a malha listrada, o plush e o moletom, em cores que vão do preto ao laranja, passando por verde, azul, cinza
e caramelo. As estampas refletem toda a inspiração da coleção, com desenhos vintage vazados. Destaque para os vestidos com estampa da cadeira Ant, criação mais famosa de Jacobsen.

[!page]

1+1

A passarela da marca encabeçada por Alzira Kaimoto teve a presença ilustre de Jonatas Faro e do casal Jair Oliveira e Tania Khalill para mostrar as peças de inspiração retrô. Da monarquia vieram as jaquetinhas e calças de estilo militar. Para as meninas, a opulência dos apliques de strass e pérolas. As obras de Mondrian foram a inspiração para as estampas geométricas, e a natureza imperou na cartela de cores dos vestidos, saias, camisas
e conjuntos. Cerca de 80% da coleção foi desenvolvida em tecidos de algodão puro, e as peças de lã ganharam cartela de cores exclusiva.

[!page]

Mixed Kids

Ao som de "The Lion Sleeps Tonight", a garotada desfilou os looks de pura inspiração africana, convidando os espectadores para um divertido safári. Peles, animal prints e desenhos de animais fizeram a festa na coleção criada por Carolina Porto, e ganharam leveza com toques de renda e transparências. O look de abertura, um vestido casinha de abelha estampado com girafas e zebras, roubou a cena e ofuscou até a atriz Luana Piovani, que entrou com a modelo no colo.

[!page]

Cris Barros Mini

A coleção Mini segue as mesmas orientações e tendências adotadas na coleção principal, caracterizada por peças femininas e elegantes. Para este inverno, a estilista buscou o conceito de um retorno da beleza ao mundo das artes. Uma de suas referências foi a artista Elizabeth Payton. O trabalho dela é fazer retratos idealizados de amigos ou namorados. Ela também usa a monarquia inglesa e astros da cena pop para suas criações. Na coleção, os vestidos dominaram, com modelagem solta, babados e transparências em tecidos texturizados, como metalizados e veludo. Para quebrar a delicadeza das peças, todas as modelos usavam coturnos pretos pesados.

[!page]

VR Kids

A VR Kids buscou inspiração na coleção dos adultos, com opções para todo tipo de ocasião. Os estilistas Vânia Xavier Bassanezi e Diego Moura adaptaram do universo adulto casacos e camisas casuais em estampa xadrez. Os jeans ganharam lavagens diversas, para agradar a todos os gostos. Na passarela, chamaram  a atenção as jaquetas, feitas em nylon dupla face e jeans com forro de moletom, que tiveram clara inspiração no universo dos college norte-americanos.

[!page]

D.Tonetti

Toda a coleção se inspirou nos contos de fada clássicos, tema que desperta a imaginação das meninas. A modelagem criativa priorizou o conforto, e a paleta de cores incluiu verde, marrom, azul marinho, vermelho e rosa. Mas foi na segunda parte do desfile, ao som de Aquarela, que as meninas incorporaram verdadeiras princesas, com vestidos de festa longos, com volumosas saias de tule e cheios de brilhos e apliques de flores. “Não falamos de contos de fada modernos, mas dos antigos, das histórias contadas por nossas avós. O universo das fadas enriquece a personalidade das crianças", diz Daniela Tonetti, estilista da marca. Ela valorizou as sobreposições de cores e texturas, com peças que não tiram a liberdade de movimentos

Pais&Filhos TV