Mais

Karaokê

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

 

Certa noite, num bar de Kobe, no Japão, o guitarrista da banda que iria se apresentar não apareceu e o dono do local arrumou um jeitinho de substituí-lo colocando fitas, com músicas de acompanhamento, para que os cantores pudessem soltar suas vozes. E não é que a moda pegou? Desde então, o karaokê (Kara é a abreviação de karappo, que significa vazio. Oke é derivado de okestura, que quer dizer orquestra) tem sido uma opção divertida e bem humorada, primeiro em terras japonesas e, depois, em todo o mundo. Com o avanço da tecnologia, o karaokê virou um aparelho doméstico e o melhor: pode desafinar à vontade. Ou, quem sabe, até descobrir novos talentos… No Brasil, existe até o Brasileirão de Karaokê com participantes de todas as idades. Entre músicas antigas, bregas e grandes sucessos, você pode fazer a sua escolha e garantir a farra do domingo em família.

Anúncio

FECHAR

Pais&Filhos TV