Mais

Eternos, sim

Criança também tem clássicos, e em grande estilo

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Quem disse que criança não tem clássicos? Tem, claro, e em grande estilo

Por Mônica Figueiredo, mãe de Antonia
Produção Bruna Castro, filha de Margarida e Eduardo

Polo
Pode parecer estranho ou engraçado, mas a camiseta polo nasceu e se consagrou nas quadras de tênis. Quem nunca ouviu falar no Monsier Renée Lacoste, o tenista francês que criou a famosa marca, e esse tipo de camiseta, transformando-a num clássico, inclusive para crianças? No começo, era só branca e fim de papo. Hoje, vale tudo.  Peça curinga, não tem erro, mesmo: seu filho estará sempre bem vestido. Melhor: seu filho ou sua filha, porque as polos são unissex e as meninas também ficam lindas com elas. Por que virou camisa polo? Uma explicação: por causa da gola, molinha, que foi adotada pelo pessoal desse esporte. De gola polo para camiseta polo, foi um pulo. E foi o que pegou. E moda é assim mesmo, ou pega ou não pega…  

Anúncio

FECHAR

Tricô
Não existe enxoval que se preze sem casaquinhos de tricô. Antigamente, eram feitos exclusivamente em casa, lindos, por avós, mães e tias prendadas. Hoje, não importa de onde vem, o fato é que a gente não resiste ao toque, ao macio, ao quentinho da malha tricotada, que combina tanto com o conforto que queremos para nossos filhos. O melhor é que a velha ditadura do branco e das cores pastéis está completamente enterrada no passado. A graça está em brincar com o contraste do clássico do tricô com as cores fortes, vibrantes. O legal de vestir criança é que a gente pode exagerar, enlouquecer… E bebê de roxo, por exemplo, é lindo. Não tenha medo! Nem de ousar, nem de ficar no tradicional. Afinal, bebê vestido de bebê é a coisa mais linda do mundo!

Verniz
Sapato de boneca para as meninas, com laço ou sem, e sapato de amarrar para os meninos. Verniz preto é sinônimo de festa, sem dúvida, mas, antes de tudo, de elegância, de classe, de estilo. Acessório obrigatório no armário de todos os nossos filhos quando a gente quer que eles fiquem assim, mais arrumados, mais bonitos, com uma roupa mais caprichada. Aliás, o sapato de boneca, criado para as meninas, é uma das únicas peças que fez o caminho contrário do usual: passou do armário das crianças para o das mulheres. Nos anos 20, por exemplo, o sapato de boneca era o complemento certo para as mulheres elegantes.  

Bloomer
O nome chique do velho e bom calçolão que toooodo mundo usou e ainda usa nos filhos.  Desde o final do século XIX, a palavra bloomer é usada para descrever qualquer peça de roupa larga, franzida, tipo de calça, presa nas pernas ou nos tornozelos. Bebê sem isso, não existe: esconde as fraldas, eles ficam confortáveis, ou seja, tudo certo. Clássico dos clássicos. Por que esse nome? Culpa de um certo senhor Dexter Bloomer, jornalista de Nova York, que fez uma matéria, lá por 1850, dizendo que as roupas curtas e calças até os joelhos usadas pelas mulheres turcas eram mais práticas do que as montanhas de saias das europeias e americanas. Tinha razão. Com bebês, é sucesso garantido, já que com um bloomer e uma camiseta, pronto: eles ficam superfofos!

Jeans
Uniforme de toda uma geração, pouca gente sabe que jeans é uma corruptela de "gênes", nome francês para Gênoa, cidade italiana que batizou as calças resistentes usadas pelos marinheiros. Em 1850, Levi Strauss inventou o jeans de brim, em São Francisco, na Califórnia, e aí o resto a gente sabe. Se é muito duro para bebês? Tinha gente que implicava, mas isso é besteira. Com as novas lavagens e a tecnologia moderna, os jeans para bebês e crianças pequenas são supermacios e confortáveis. Dá para pensar em um guarda-roupa sem eles? Práticos, duráveis, tudo a ver com a vida que levamos hoje. Sua avó se lembra das calças rancheiras. As crianças já usavam e já era jeans.

Casa de abelha
Romântica, delicada, com carinha de coisa feita em casa, à mão e com muito cuidado e capricho. Antigamente não existia vestido de menina sem casinha de abelha, esse tipo de bordado tão associado à infância que virou mesmo um clássico. Casa de abelha é, literalmente, uma tira ou pedaço inteiro de tecido franzido com pontos decorativos. A gente aqui na revista ama de paixão. Mesmo sendo mais difícil de encontrar hoje em dia, vale a pena procurar. Enfeita e a criança fica com uma carinha chique demais. Outra coisa: em roupa de bebê, pode ser usado também por meninos. O príncipe William apareceu para o mundo no colo de sua mãe, Lady Di, com um macacão de fustão branco com casa de abelha azul. Chiquérrimo!

Arcobaleno, tel.: (11) 3842-1305, www.earcobaleno.com.br; Bébé Sucré, tel.: (11) 2867-0570, www.bebesucre.blogspot.com; Bonpoint, tel.: (11) 3063-3337, www.bonpoint.com.br; Calvin Klein Jeans, tel.: (11) 3817-5702, www.calvinkleinjeans.com.br; Casa Tody, tel.: (11) 3082-2771, www.casatody.com.br Chiquinha Fulô, tel.: (85) 3421-0095, www.chiquinhafulo.com.br; D&L, tel.: (16) 2104-5400, www.dingolingo.com.br; Fábula, tel.: (11) 5181-5885, www.afabula.com.br; Gant, tel.: (11) 3083-3574, www.gant.com.br; Green, tel.: (11) 3088-2986, www.greenbymissako.com.br; Hering Kids, SAC 0800-473114, www.heringkids.com.br; Lacoste, tel.: (11) 3083-2400, www.lacoste.com; Mercatore, tel.: (11) 3062-3339, www.mercatore.com.br; Natures Purest, tel.: (11) 3823-3783, www.naturespurest.com.br; O Monstro da Torta, tel.: (11) 2373-7313, www.omontrodatorta.com.br; Pampili, SAC 0800-551415, www.pampili.com.br; Peti Palé, tel.: (54) 3024-4151, www.petipale.com.br; Puramania Kids, tel.: (11) 2936-4229, www.puramaniakids.com.br; Quiksilver, tel.: (11) 3366-9280, www.quiksilver.com.br; Silmara, tel.: (11) 3081-8505, www.silmarabebe.com.br; Tip Toey Joey, SAC 0800-9423333, www.tiptoeyjoey.com.br; Tip Top, SAC 0800-160025, www.tiptop.com.br

Pais&Filhos TV