Mais

Adaptação em dobro

Rafaela Nascimento, mãe de Sara e Davi adaptou a primeira filha com facilidade na escolinha, mas o segundo...

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Quando ela fez um ano voltei a trabalhar e quem ficava com ela era minha tia. Resolvi colocá-la na escolinha porque ela já necessitava da convivência com outras crianças, a adaptação foi muito fácil e rápida! Eu lá esperando que ela chorasse chamando por mim e nada…rs 

Hoje ela está numa creche pública (as novas EDI) e como sempre se adaptou bem.

Acredito que seja conseqüência das idas a ED (Escola Dominical). Todo domingo desde pequena ela ia para ED na igreja.

Anúncio

FECHAR

Já agora com o Davi creio que, como ele é mais grudado comigo, a adaptação seja mais complicada, ou não, só colocando para ver. Eu já até coloquei ele na lista de espera da creche, mas fico na dúvida pois Sara entrou quando ia completar 2 anos e Davi ainda está com 1 ano e 6 meses.

Acho que o pior são as “doenças” pois muitas mães ainda levam a criança na creche malzinhas pois não tem com quem deixá-las e nisso acaba passando para as outras.

Tento ao máximo tratá-los iguais, mas sempre há uma atenção maior para o menor. Mas eu tento, tudo que faço com o pequeno chamo a Sara para me ajudar e vice-versa.