Gravidez

Primeira semana


Mãe

Os sinais de que está grávida aparecem a partir da terceira semana, que é quando o óvulo e os espermatozoides se encontram, formando o embrião. Na primeira semana, o espermatozoide começa sua viagem das trompas até o útero, onde tudo vai acontecer.

Bebê

Claro que a gente torce para que a gravidez vá em frente (e muito bem), mas é preciso saber que, após um teste de gravidez positivo, de 15% a 30% das gestantes abortam naturalmente, geralmente devido a problemas com o feto. Cerca de 80% desses abortamentos ocorrem até a 12ª semana. Alguns médicos recomendam esperar um pouco antes de contar para todo mundo que você está esperando um bebê.

Pai

Se vocês fizeram inseminação artificial, já sabem que o futuro bebê está a caminho. Chame a companheira para jantar, brindem com um coquetel sem álcool, fiquem juntos. Os momentos a dois serão mais escassos depois que o bebê chegar. O período até o terceiro mês ainda pode ser bem tenso, por causa das chances maiores de aborto espontâneo.

Anúncio

FECHAR

Gêmeos

A possibilidade de ter gêmeos é maior se há múltiplos na sua família, então talvez vocês já estejam pensando nessa possibilidade. A idade materna influencia: quanto mais velha a mãe, maior a probabilidade de liberar mais de um óvulo. Nos casos de inseminação, em que podem ser implantados vários embriões, a chance de ter múltiplos é de até 25%. Na gravidez natural, os múltiplos ocorrem em apenas 1% dos casos.

Alimentação

Se você está tentando engravidar, não arrisque: corte o álcool desde o início. Embora existam estudos mostrando que é possível ingerir pequenas quantidades, é muito difícil definir doses seguras, principalmente no primeiro trimestre, fase em que o bebê está se formando e existe o risco de malformações. E, além de tudo, você precisa se acostumar. Tente coquetéis de frutas sem álcool. São gostosos e saudáveis.

 

Pais&Filhos TV