Criança

4 anos


Este ano

Nesta idade, muitas crianças passam a demonstrar sua preferência pela mão esquerda ou direita. Ao usar mais cadernos e desenhar, fique atento se o pequeno encosta o rosto no caderno ou na TV. Se seu filho ainda não fez uma consulta com o oftalmologista, está na hora. Caso a criança tenha mesmo que usar óculos, existem modelos de armação em silicone com elástico atrás, que são confortáveis e mais resistentes. Seu filho já faz refeições mais parecidas com a sua, mas come um pouco menos. O sono melhora e já não tem tantas interrupções. Se o xixi ainda escapa vez ou outra à noite, até os 5 anos é normal. É a fase das perguntas, o tempo todo. Responda. Se não souber, responda que não sabe. E consulte o Google. Aproveite para aprender junto com ele.

Seu filho

Chegou em casa e deu de cara com seu filho falando com um alguém imaginário? Fique tranquilo! Essa atitude é supernormal entre os 3 e 7 anos e apenas deixa claro que seu filho tem imaginação e criatividade bem desenvolvidas. Na brincadeira fantasiosa, a criança mostra o que acontece no seu mundo interior. O amigo imaginário não é sinal de dificuldade de socialização, pelo contrário. Às vezes, a criança é tão sociável que precisa inventar com quem compartilhar tudo o que está aprendendo e imaginando. É comum que os amigos imaginários tenham nome, não estranhe. O do irmão da escritora infantil Tatiana Belinky se chamava Bindínsula. Com o tempo, a criança aposenta o amigo, sem estresse.

Como ajudar

Seu filho está a todo vapor: corre, sobe nas coisas, consegue pegar uma bola e jogá-la de volta. Já é hora de andar de bicicleta, ainda com rodinhas. Ele adora desenhar com canetinha e pintar com tinta. Toda vez que for escovar seus dentes, realize isso na frente do seu filho e convide ele a te acompanhar. Mostre sempre o passo a passo da escovação e comente sobre a importância dessa higiene. Assim, fica divertido escovar os dentes e mais fácil se tornar parte da rotina. Lembre-se: a escova deve ser apropriada à idade, com cerdas macias, cabeça pequena e arredondada.

Anúncio

FECHAR

Você

Dos 3 aos 6 anos, seu filho passa pela chamada “fase edipiana”: toma consciência de que é uma pessoa autônoma e que é menino ou menina. Imita um dos pais (o do próprio sexo) e ao mesmo tempo cria uma rivalidade com ele, para “seduzir” o do sexo oposto. É comum a menina só querer ir à escola de mão dada com o papai e o menino, com a mamãe. Não significa que ele goste mais de um ou do outro, apenas está exercendo essa identificação e exercendo sua capacidade de sedução. Por mais que ele diga que vai casar com a mamãe ou o papai é importante mostrar que isso não é possível, pois papai é casado com a mamãe.

Preocupações comuns

Dentro de casa ou explorando o mundo lá fora, os pais sempre querem ter certeza de que seus filhos estão seguros. Além da violência das cidades, acidentes domésticos são frequentes. Como não dá para vigiar seu filho o dia todo, o ideal é que desde agora o seu filho ganhe noções básicas de viver em segurança. Claro que a responsabilidade sobre a segurança dele é sua, mas, deixá-lo mais cuidadoso conta pontos a longo prazo. Apenas tome cuidado para não deixar a criança medrosa e alerte para não conversar ou aceitar nada de estranhos, não mexer em tomadas, não ficar em lugares muito altos e tudo mais que você lembre e julgue importante.

Pais&Filhos TV