Família

Deliciosas combinações na mesa do brasileiro fazem bem à saúde!

Alimentos consumidos juntos podem ter benefícios potencializados

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

fresaychocola

(Foto: Shutterstock)

Pouca gente sabe, mas as misturas mais famosas da gastronomia brasileira não são somente deliciosas, mas também são pares perfeitos no ponto de vista nutricional. Regina Moraes Teixeira, mãe de Renata e Ricardo, nutricionista clínica, explica: “Muitas vezes a riqueza de nutrientes não está somente em um tipo de alimento, é necessário uma união para que a refeição seja mais saborosa e rica em vitaminas”. Veja aqui os aspectos nutricionais de cada uma dessas misturas.

Queijo com goiabada

O queijo é fonte de proteína animal, cálcio e vitamina B5, já a goiabada é rica em carboidratos. Essa combinação tem alto valor calórico, então não dá para abusar, uma porção pequena tem 250 kcal, em média.

Arroz e feijão

Essa é uma das melhores misturas e muito fácil de ser encontrada em casas e restaurantes brasileiros. O arroz é rico em carboidratos, sais minerais, vitaminas do complexo B e possui metionina, um aminoácido que ajuda a processar as gorduras e a preservar a função hepática.

Anúncio

FECHAR

O feijão por sua vez é rico em vitaminas B1, B2, B3 e B9, potássio, ferro, fósforo, cálcio, cobre, zinco, magnésio, e ainda a lisina, um aminoácido essencial. Ele é fonte proteica, mas não se pode digerir todas as proteínas sozinho, então quando ingerido com o arroz, conseguimos melhorar a digestão das vitaminas e proteínas.

Três colheres de arroz e duas de feijão têm cerca de 239 kcal.

Aveia e iogurte

A aveia é rica em proteínas, minerais e fibras, devido à presença de beta glucana, uma fibra solúvel em água que passa inerte durante o processo digestivo, mas que em contato com a água forma um gel responsável por ligar ácidos biliares e eliminá-los pelas fezes. Isso faz com que o colesterol presente na corrente sanguínea seja mobilizado para formação de mais ácidos biliares reduzindo assim os níveis do colesterol no sangue.

O iogurte é rico em cálcio e proteínas. O mais indicado é o desnatado, já que não tem gorduras.

A aveia deve ser consumida diariamente, cerca de 2 a 3 colheres de sopa.

O valor calórico dependerá do tipo de iogurte, se desnatado cerca de 100 kcal. 2 colheres de sopa de aveia em flocos possui 106 kcal.

Ovo e Batata

O ovo é uma excelente fonte proteica, rico em vitaminas e minerais, principalmente pela presença de colina, que faz parte das vitaminas do complexo B. Ajuda na absorção do colesterol “ruim” e também a reduzir a fadiga muscular. É bom para memória, concentração, desenvolvimento cerebral e crescimento saudável do feto.
A batata é fonte de carboidrato, fibra, vitaminas B, C, E, K, potássio, cálcio, ferro, magnésio, manganês e zinco.

O ovo tem em média 77 kcal quando cozido (sempre certifique-se sobre a melhor forma de cocção, pois isso muda o valor calórico da refeição). 100g de batata possui 80 kcal, mas cuidado com o modo de preparo, prefira cozida ou assada.

Chocolate com Morango

O chocolate amargo possui muitas propriedades, melhora a saúde do coração e ajuda a combater o estresse, mas consuma chocolates com maior concentração de cacau, devido à presença de flavonoides, que são antioxidantes naturais e ricos em potássio e magnésio.

O valor calórico varia: o ao leite, além de ser mais calórico, possui cerca de 4 vezes menos flavonoides que o amargo, 30 g 3 vezes por semana já são suficientes para obter os benefícios.

O morango é uma fruta rica em vitamina C, silício, manganês, potássio, vitaminas do complexo B e K, antocianinas e antioxidantes, que ajudam a combater radicais livres, além de ser pouco calórico, 100g possuem cerca de 30 kcal.