Especiais

De olho no alicerce

A escolha da escola é uma decisão difícil e a gente sabe, por isso alguns pontos básicos vão te ajudar a entender se a instituição está preparada para receber seu filho

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

escolha-da-escola-ideial-unimed

A conservação dos prédios é fundamental, já que a maioria é pensada para ser uma escola, mas não para abrigar crianças (Foto: Shutterstock)

Um dos passos mais importantes rumo à independência dos nossos filhos é a escola. Ficamos com o coração na mão: será que meu filho vai gostar? Será que os professores serão severos demais? Mas a pergunta campeã é: como eu escolho a escola ideal para meu filho? Tem mil coisas que você deve considerar ao fazer essa escolha, e, além das questões de pedagogia, estilo de ensino, muitos pais ficam preocupados em relação à segurança e saúde dos filhos no colégio.

Para Miguel Emsters, pai de Thiago, Bruno Matheus e Letícia Marin, e analista de responsabilidade social da Unimed de Blumenau, a primeira coisa a se observar é a distância entre a escola e a sua casa. “É fundamental que a instituição seja próxima da casa da criança ou do trabalho dos pais, para que o acesso seja fácil em caso de emergência”, diz. Ele afirma ainda que a conservação dos prédios é fundamental, já que a maioria é pensada para ser uma escola, mas não para abrigar crianças.

Uma estrutura adequada é essencial para que a criança experimente o aprendizado por completo. Preste atenção nos detalhes e faça todas as perguntas que achar necessárias. Observe se os pisos não são lisos demais, os antiderrapantes são importantes para evitar tombos. As colunas precisam ter a forma arredondada, sem quina. Olhe as janelas das salas. Nada de vidro quebrado, janela enguiçada ou sem grade, as salas de aula precisam de ventilação sem apresentar riscos.

Anúncio

FECHAR

Leia também

Como escolher a melhor escola pra seu filho?

Escolha da primeira escola: saiba no que prestar atenção

Em busca da escola perfeita

“Outro ponto é o preenchimento do chão dos pátios e das quadras esportivas com materiais que não machuquem tanto… Cimento, por exemplo, pode causar acidentes feios nos joelhos das crianças”, diz Miguel. Fique também de olho nas tomadas. É comum que as salas de aula sejam cheias delas para ligar rádio, ventilador, projetor… Todas precisam estar revestidas e protegidas, não importa a idade dos alunos. O ideal é que as tomadas estejam localizadas em lugares mais altos. Por falar em ventiladores, ter opções para deixar as crianças mais confortáveis e espantar  o calor é fundamental.

Cuidados

Veja se os banheiros estão em condições de uso. Filtros de água em todos os bebedouros são muito  importantes para manter a saúde das crianças. “Os pais também devem perguntar aos responsáveis pela escola se o local está equipado de acordo com os padrões, com extintores de incêndio, por exemplo”, explica. Nas escadas, não pode haver objetos que obstruam a passagem em caso de emergências. Leve seu próprio checklist. Veja se a criança se sente confortável com o lugar e se os professores são bem capacitados. Depois, é só comprar o uniforme, a lancheira… aí começa outra história!

Saiba mais sobre o assunto assistindo ao nosso vídeo do “Esperar Pra Quê?” sobre a difícil escolha da escola.