Criança

Tá liberado!

Pesquisa científica revela que jogar videogame contribui para o aumento da massa cinzenta do cérebro

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Para quem considerava o videogame como grande inimigo dos estudos, uma pesquisa científica realizada pela Universidade de Humboldt de Berlim e Instituto Max Planck para o Desenvolvimento Humano trouxe uma boa notícia: muito ao contrário do que é falado, jogar contribui para o aumento do volume de massa cinzenta no cérebro, ou seja, ajuda a melhorar importantes funções do corpo humano, como controle muscular, memória, linguagem e percepção sensorial.

O estudo analisou a reação de homens que jogaram Super Mario 64 durante 30 minutos por dois meses. O grupo estudado apresentou resultados animadores. Após os dois meses de experimento, os adultos participantes exibiram aumentos significativos no volume de massa cinzenta.

Além do aumento dessa região responsável por diversas funções vitais, os cientistas encontraram algumas evidências que indicam que só o desejo de jogar videogame já causa um impacto positivo.

Anúncio

FECHAR

Otimistas, os cientistas revelaram que a descoberta poderá ajudar em tratamentos para transtornos de estresse pós- traumático, de doenças mentais e neurodegenerativas.

 

Com informações da Exame.