Criança

O que seu filho deve comer para manter a boca saudável?

A alimentação e a saúde bucal estão muito ligadas. Conheça os alimentos que ajudam a manter o bem-estar da boca em dia

A REDAÇÃO PAIS&FILHOS

alimentação e saúde bucal

Nem só de escovação vive a saúde da boca. Alguns alimentos podem ajudar a deixar a boca mais saudável e você pode oferecê-los para seu filho no dia a dia, durante as refeições. “Devemos lembrar que saúde bucal não se refere apenas aos dentes, mas também às gengivas, mucosas, ossos e língua”, explica Dr. Sérgio Kignel, especialista em estomatologia e pai de Bruno, Victor, Benjamin e José.

Alguns alimentos são capazes de estimular o pH da saliva, cooperam com o metabolismo ósseo e tem ações anti-inflamatórias que contribuem para deixar a boca mais limpa, de acordo com o especialista. Veja quais alimentos podem deixar a boca do seu filho mais saudável:

Anúncio

FECHAR

Brócolis: é rico em cálcio e ferro, por isso favorece o fortalecimento do esmalte do dente. Além disso, a consistência rígida desse legume estimula a produção de saliva, que ajuda a proteger os dentes durante a mastigação.

Salmão: peixes em geral, em especial o salmão, contêm cálcio e vitamina D, que fortalecem a estrutura dentária.

Leite e derivados: queijo, iogurte, manteiga e o próprio leite fortalecem os dentes, os ossos e regularizam o pH da boca, além de ajudarem a combater as bactérias.

Água: além de ser essencial para que todo o corpo funcione bem, a água promove a limpeza superficial da boca.

Claro, não dá para deixar de lado a escovação: passar o fio, escovar bem os dentes com um creme dental apropriado e finalizar com um enxaguante bucal sem álcool, que é indicado para todas as crianças, desde que elas já tenham dentes. Antes dos dentes nascerem, é só limpar a boca com uma gaze depois de cada mamada.

Também existem aqueles alimentos que são grandes vilões da saúde bucal e provam as temíveis cáries. O especialista Sérgio Kignel explica que os doces e os refrigerantes precisam ser consumidos com moderação e, logo depois, é melhor que seu filho escove os dentes.

“Quanto mais pegajoso o doce, pior é para o dente da criança. E o açúcar é mais prejudicial quando permanece mais tempo na boca. Sempre falamos aos pacientes que é melhor comer 1 quilo de açúcar de uma só vez do que 100 gramas ao longo do dia”, diz ele. Lembrando que todos devem visitar o dentista regularmente para se certificar de que tudo está certo!