Criança

Jura que só comprovaram agora? Perto da mãe, comportamento do filho piora 800%

Crianças de 500 famílias analisadas ficaram diferentes na presença da mãe

Isabela Kalil de Lima

Isabela Kalil de Lima ,Filha de Kátia e Fabio

abre-criancas-pioram-na-presenca-da-mae

(Foto: Shutterstock)

Um grupo de pesquisadores do Departamento de Psicologia da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, realizou um estudo que comprova que as crianças têm comportamento pior quando as mães estão por perto. A porcentagem chega a 800%. Se as crianças forem menores de dez anos, cresce para 1.600%!

Foram acompanhadas 500 famílias para a pesquisa. Durante o processo, as crianças foram avaliadas por birras, gritos, tentativa de agressão aos pais, carência e até mesmo fala errada para chamar a atenção.

Os resultados apontaram que 99,9% das crianças brincavam tranquilamente sozinhas, mas a partir do momento em que a mãe aparecia, as chances delas começarem a chorar era de quase 100%. Isso aconteceu até com crianças deficientes visuais, pois elas reconheceram a presença da mãe pela voz.

Anúncio

FECHAR

Atitudes diferentes perto da mãe foram reproduzidas por todas as crianças que participaram da pesquisa. O porquê eles não sabem, mas dá para deduzir que os pequenos, principalmente os menores de 10 anos, são mais apegados e necessitados da atenção da mãe.

Leia também:

Como acabar com a birra em 4 passos

5 dicas para acabar com um ataque de birra em público

Como não deixar a birra do seu filho falar mais alto do que você

 

Pais&Filhos TV