Criança

Impetigo: o que é?

Se você não conhece a doença, descubra quais os sintomas e o tratamento indicado

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

A infecção é comum entre as crianças. Você sabe identificar e tratar a doença?

Por Marianna Perri, filha de Rita e José

Anúncio

FECHAR

O que aparenta ser apenas uma ferida na pele do seu filho pode se revelar uma infecção bacteriana. O impetigo, muitas vezes, não é identificado de primeira, e ocorre com mais frequência nas crianças. Por isso, preste atenção nos sintomas e procure um médico.

O impetigo ocorre quando a criança se contamina com as bactérias estafilococos ou estreptococos, que causam a infecção. A contaminação pode ocorrer depois de um trauma, machucado ou picada de inseto. As crianças também podem se autocontaminar com a própria secreção nasal, em casos de rinite.

As bactérias causam bolhas, feridas e crostas avermelhadas em qualquer parte do corpo. As lesões são doloridas e podem causar febre e mal estar nas crianças. O impetigo pode deixar cicatrizes na pele e, em casos mais graves, as toxinas das bactérias podem causar doenças nos rins e septicemia (infecção sistêmica) em crianças com baixa resistência. Os alérgicos podem desenvolver complicações com mais facilidade.

Como tratar

O impetigo é tratado com antibióticos específicos, seja por via oral ou em pomadas. Os pais devem procurar um médico logo nos primeiros sintomas e sempre seguirem à risca a posologia prescrita.

Sempre mantenha a pele do seu filho sem traumas e hidratada e, quando ocorrer um machucado, limpe e trate o local para evitar as infecções.

Consultoria: Denise Steiner, mãe de Tatiana, Marcelo e Gustavo, dermatologista pediátrica e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Pais&Filhos TV