Criança

Cuidado com o ouvido

Pais devem ficar atentos para evitar a perda de audição precoce

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

17/09/2012

Parece precipitado, mas os cuidados com a saúde do sistema auditivo na infância devem ter início ainda na barriga da mãe. Em primeiro lugar, é importante se proteger contra doenças que podem afetar a audição do feto como rubéola e meningite e evitar remédios nocivos ao ouvido.Após o nascimento, é preciso fazer o Teste de Otoemissões Acústicas Evocadas, conhecido como “Teste da Orelhinha”, para avaliar a capacidade auditiva do recém-nascido por meio de emissões de sons e de sensores eletrônicos.


Já para estimular o desenvolvimento da linguagem, é importante conversar com o bebê, cantar e dizer os nomes de objetos, para instigar a comunicação e incentivá-lo a usar a língua e os lábios.  
Além disso, é importante evitar que as crianças fiquem expostas a sons altos ou ambientes com muita poluição sonora, como estádios de futebol e eventos automobilísticos.Como o canal auditivo dos bebês é menor, o som entra com maior pressão no ouvido, aumentando o risco de lesões e ruídos que podem comprometer o desenvolvimento da linguagem.

Anúncio

FECHAR

Em casa e no carro, sempre mantenha a televisão e o rádio em volumes agradáveis e evite aparelhos barulhentos como liquidificador e aspirador de pó perto da criança.

Consultoria: Rita de Cássia Cassou Guimarães é otorrinolaringologista, otoneurologista e autora do blog http://canaldoouvido.blogspot.com
 

Pais&Filhos TV