Colunistas

Mães melhores profissionais

Conheça algumas das virtudes da maternidade que podem ajudar a mulher profissionalmente

Mãe nova só começa a se dar conta do universo desconhecido que terá pela frente quando se depara com uma daquelas enormes listas de chá de bebê e percebe que não sabe a utilidade da maioria dos itens. Quem já está com os filhos na adolescência e pré-adolescência, sabe que este caminho não tem fim e nos proporciona, ao longo de todos os passos, um punhado de oportunidades. Hoje meus filhos cresceram, estão com 20 e 17 anos, mas mesmo assim, há dias que eu acho que não sei nada! A gente aprende a se relacionar com as crianças e filhos não tão crianças assim – afinal são seres únicos e muito diferentes de nós –, a lidar com situações imprevistas ou difíceis, a se concentrar mais no que faz, a se estressar menos por bobagens, isso só para citar alguns aspectos. 

Lembro-me de uma cena divertida num episódio de Desperate Housewives (ou Donas-de-casa desesperadas), seriado que passa em um canal por assinatura. A executiva mãe de trigêmeos e de uma menina pequena está fazendo entrevistas de trabalho, já que o marido ficou desempregado. Num imprevisto – o marido estava com as costas travadas – levou o bebê junto a uma delas e deixou aos cuidados do recepcionista da empresa. Enquanto era entrevistada na sala de vidro do diretor, viu o quanto a pequena estava em apuros e resolveu buscá-la. Diante da falta de tempo do possível chefe – que sairia em viagem em questão de minutos – e da necessidade de trocar a fralda, não teve dúvida. Virou para ele e disse: “Olha, você quer saber como eu tenho talentos para fazer muitas coisas ao mesmo tempo, então olha só, vou trocar a fralda dela e analisar tudo que está errado no marketing e no site da sua empresa”. E desandou a falar e a argumentar. Alguns minutos depois, no momento em que a menina estava trocada, o diretor falou: gostei, está contratada! 

Caricatura, sim, mas foi um recurso inteligente do roteirista para passar a mensagem de que ser mãe tem seus benefícios até mesmo para a vida corporativa. Colocando os pontos na balança, observamos um ganho maior do que a perda. Talvez na vida real não seja assim mas acredito mesmo que mulheres profissionais, após a maternidade, desenvolvem algumas habilidades muito valorizadas no ambiente de trabalho. Relaciono a seguir algumas dessas virtudes da maternidade que são muito positivos para a carreira das mulheres: 

Anúncio

FECHAR

Tolerância e improviso– Mãe tem paciência extra e tolerância em dobro para lidar com situações não são exatamente como se espera e sabe que não dá para ter tudo sob controle. Nem sempre as tarefas funcionam como o previsto e nem sempre as pessoas reagem como você esperaria. Mães improvisam e no mundo profissional isso mostra iniciativa; 

Organização – Mães desenvolvem uma habilidade única para se organizar, priorizar, selecionar; 

Foco – Sabendo que há ainda mil coisas a fazer neste mesmo dia, o foco da mãe executiva fica mais aguçado; 

Negociação – Mães negociam com os filhos o tempo todo, desde ajustar horários e rotina até discutir hora de sair da balada. Negociação em alta, performance idem; 

Comunicação – Mães falam muito umas com as outras. Falam e escutam. Esse poder da comunicação traz ricos aprendizados para o mundo profissional. 

Convencidas de que a maternidade enriquece a  vida profissional? Bom trabalho!

 

Pais&Filhos TV