Colunistas

Torta Folhada de Bacalhau

Esse prato é versátil e se encaixa bem nos mais diversos horários

torta-de-bacalhau

Saber fazer uma boa torta é uma daquelas habilidades que podem te salvar na hora de servir o almoço ou o jantar. Seja no dia a dia ou no final de semana para receber os amigos. Pode ser servidas quente ou em temperatura ambiente. Se acompanhada de salada, viram uma deliciosa e completa refeição.

O bacalhau é do porto e por ser lascas é mais em conta. A massa congelada e comprada pronta, é rapidinha de montar. Já o bacalhau leva mais tempo para dessalgar, o que nem sempre combina com a agenda apertada de quem tem pouco tempo para cozinhar. Então, a dica é dessalga-lo antes e guarda-lo congelado já dessalgado. Assim, na hora H, em 15 minutos você faz um refogado de bacalhau, monta e leva para assar.

Anúncio

FECHAR

Eclética, esta torta folhada se adapta também a outros ingredientes. Com com o mesmo preparo pode-se substituir o bacalhau por atum em lata, frango desfiado, palmito em conserva, folhas de espinafre, brócolis ou por onde mais os ingredientes da sua geladeira te levar.

Bora salvar a receita que vale a pena experimentar!

MASSA
400g de massa folhada congelada comprada pronta
1 gema batida para pincelar

RECHEIO
1 cebola picada cortada em cubos pequenos e regulares
2 dentes de alho descascados e amassados ou picados
500g de bacalhau do porto em lascas e dessalgado
300g de cream cheese
1 xícara de azeitonas pretas sem caroço
1 xícara de cebolinha fresca picada
Sal e pimenta a gosto
Azeite a gosto para refogar
COMO FAZER:
Descongele a massa folhada de acordo com as instruções da embalagem.
Preaqueça o forno em temperatura média (180ºC).
Em uma frigideira grande, coloque 2 colheres de sopa de azeite
Refogue o alho descascado e amassado ou picado por 1 minuto, só até alourar levemente.
Junte então, 1 cebola grande cortada em cubos pequenos e regulares, deixe por mais 1 minuto, até ficar translúcida e murchar um pouco. Acrescente o bacalhau em lascas e já dessalgado. Junte 1/2 xícara de azeitonas pretas sem caroço. Tempere com pimenta do reino. Experimente o sal e se necessário for adicione sal a gosto. Refogue por 3 a 4 minutos.
Retire do fogo e coloque 1 xícara de cebolinha fresca picada. Misture com 150g de cream cheese. Reserve 150g para a montagem.
Coloque uma folha de massa no fundo e nas laterais de um refratário médio com fundo removível de 24cm.
Espalhe o recheio de bacalhau. Com ajuda de 1 colher de chá, distribua colheradas do cream cheese restante sobre todo o recheio.
Cubra com o restante da massa folhada e pincele uma gema batida.
Decore como preferir.
Leve ao forno e asse por cerca de 30 minutos ou até dourar.

COMO DESSALGAR O BACALHAU: Retire o excesso de sal
Antes de colocar o bacalhau de molho, passe-o pela água fria corrente para retirar a crosta de sal que envolve o peixe. Isso irá acelerar o processo.

ÁGUA FRIA: Use sempre água fria. Do mesmo jeito que não lavamos as verduras em água morna, usamos água fria e limpa para dessalgar o bacalhau.

QUANTO DE ÁGUA: Quanto mais água, mais rápido o sal se dissolve e mais fácil ele vai dessalgar. Quanto menos água mais tempo e mais trocas de água você vai precisar fazer.

GELADEIRA: Mantenha o bacalhau na geladeira enquanto está de molho. Isso por quanto menos sal, mais alta a chance de contaminação por bactérias, pois o sal funciona como conservante. Sem o sal o bacalhau é um peixe fresco e o fato de ele estar submerso em água não quer dizer que ele esteja imune à contaminação.

TROQUE A ÁGUA: Troque a água durante o molho. A água recebe todo o sal que sai do bacalhau. Portanto, é importante que ela seja fresca e não esteja saturada com sal. O ideal é trocar a água a cada 4 horas, dependendo da quantidade de bacalhau que está no recipiente.

NÃO DESSALGUE DEMAIS: Lembre-se que é mais fácil continuar retirando o sal (aumentando o tempo de molho) do que dar vida a um peixe sem gosto, por ter sido muito dessalgado. Como o bacalhau é em lascas em pedaços pequenos ele leva menos tempo para dessalgar que o bacalhau em postas altas e grandes.

FIQUE ATENTO: Deixe o bacalhau de molho por 6 horas. Trocando a água 1 ou 2 vezes.
Se depois desse tempo, as lascas ainda estiverem salgadas, continue o processo, checando a cada hora para ver se já está bom.

PONTO CERTO: Prove e confirme. A melhor maneira de saber se o peixe já está no ponto certo é uma lasca mínima da carne do peixe. Faça isso tanto na primeira água como na última, para você ter com o que comparar.

Experimentar é a melhor maneira para saber se está no ponto certo. Evite usar o “olhômetro” e confie no seu paladar.

VAPT VUPT: Compre pronto. Essa dica é para quem realmente não quer dessalgar o bacalhau em casa. Compre já dessalgado e congelado.

DICA: Evite dessalgar o bacalhau em água quente, aferventando-o. Isso por que a quente tira não só o sal mas também o sabor. Já a dessalga com água fria e na geladeira com tempo e calma tira somente o sal e deixa o sabor! 😉 Resultado prato muito mais saboroso!

Preparo: 20min
Cozimento: 30min
Pronto em: 50min
Rendimento: 12 porções

www.montaencanta.com.br

Leia também:

Bom para o friozinho! Sopa de arroz com carne e legumes

Bolo fofíssimo: não precisa dar trabalho, nem fazer sujeira na cozinha

Cookies de micro ondas: receita fácil para cozinhar com as crianças

Pais&Filhos TV