Colunistas

Cachê na poupança

Ike Levy fotografou a filha, Nina, para o novo catálogo da Chicletaria

Sempre gostei muito da grife infantil Chicletaria. No final dos anos 80, minha mãe chegou a abrir uma franquia dessa loja em um shopping de São Paulo.  Lembro-me de que ajudava a montar as caixas de presentes: me sentia trabalhador. Na mesma época, meu tio Márcio tinha lojas de roupas masculinas Richards. Eu usava Chicletaria, mas sonhava em crescer logo pra usar Richards. 

Outro dia estava no shopping e fui até a Chicletaria comprar a primeira roupa do meu filho, que nesse momento está se desenvolvendo e se divertindo na barriga duplex da mamãe de 1,86 m de altura (risos).  Falei com a gerente que gostaria de fotografar o catálogo deles e se ela poderia encaminhar meu cartão ao marketing.  Ela foi muito atenciosa e, dias depois, recebi um e-mail marcando uma data para que eu apresentasse meu porfólio. 

Resumindo: além de produzir o catálogo, tive a honra de fotografar minha mini top model em seu primeiro trabalho remunerado.  Sim, minha filha, Nina, foi uma das modelos e se saiu muito bem! Nem preciso dizer que já mandei fazer moldura para a ampliação em tamanho real. 

Anúncio

FECHAR

A própria Nina escolheu a roupa que ganhou em forma de cachê.   Mas vou colocar 50% do meu cachê em uma poupança pra ela… acho justo! 

Hoje em dia uso roupas da Richards e, pra falar a verdade, em alguns momentos tenho vontade de voltar a ser criança e usar Chicletaria. 

No dia seguinte às fotos, estava levando a Nina pra escola e veio aquela voz docinha do banco de trás: “Papai, não sei se você percebeu, mas agora eu sou um pouco fotógrafa, um pouco cantora e um pouco modelo!” 

Percebi que você me ensina a ser pai todos os dias, minha filha.  Aproveite a infância para brincar e se divertir muito! 

Eu te amo!

Pais&Filhos TV