Colunistas

Que venha o desfralde!

O momento de desfralde (Foto: Shutterstock)

O momento de desfralde (Foto: Shutterstock)

Eu estou correndo, entre um chão molhado e uma cueca encharcada, para dizer uma coisa a vocês: nada como a amnésia do amor maior para nos fazer esquecer das coisas desagradáveis que vivemos na maternidade. Eu não lembrava o quão chata era a fase do desfralde. Até estar, há 5 dias, nela.

Para tudo! Não quero mais limpar xixi e cocô no chão da sala!!!! (mentira!!)

Desespero à parte, eu sei o quanto é importante esse momento para eles. É sério, fico de saco cheio, mas faço tudo bonitinho. Até baixei um app que me avisa a hora de chamar o Rafinha pra fazer xixi. E, claro, aproveitei o start da escola, que está desfraldando uns três ou quatro amigos. Simbora nessa, pensei!

Anúncio

FECHAR

O certo e o errado na hora de tirar a fralda do seu filho

7 dicas para a hora do desfralde

Conheça 8 dicas que vão te ajudar na hora do desfralde

Apesar de que, aqui em casa, Rafinha já ensaiava o uso do penico. Como essa coisa do irmão mais velho ajuda e estimula, hein? (prometo falar sobre isso em breve…)

Toda vez que Gabi vai fazer xixi ou cocô, Rafinha para tudo e dispara: “Rafa que também!” E muitas vezes nem quer, mas vai, arranca a fralda, senta e um micro xixi sai. Então, nesse aspecto, ele já estava bem familiarizado com o troninho.

(Foto: Arquivo pessoal/Nanna Pretto)

Informe da escola sobre o desfralde (Foto: Arquivo pessoal)

Estranho mesmo foi quando viu o próprio cocô. Fez carinha de nojo, de medo e pediu pra “jogar fora”. Não quis dar tchau e quase não consegui limpar o bumbum! Achei engraçado ele ter medo do próprio cocô! (E pensei que foi a primeira vez que ele viu, ao vivo e a cores, o que tanto o incomodava dentro das fraldas).

Reitero o que sempre falo em relação à escola: é uma relação de parceria. Eles ensinam a parte educacional da coisa, a gente dá a nossa incrementada e mostra como são as regras de casa. E, mais uma vez, fortaleço a minha teoria sobre a “maternidade-preguiça”: tem coisa que a gente acha tão chata, mas tão insuportável, que muitas vezes ensinamos de qualquer jeito. E o nome disso é preguiça!

Eu tenho preguiça máster do desfralde (e de mais um bando de coisas). Mas me controlo, conto até dez e tenho tentado fazer tudo bonitinho. Porque quanto mais certinho, mais perto é o fim, certo? E eles aprendem tudo rapidinho…

Então lá vamos nós: para um fim de semana sem fralda, com duas festinhas infantis, muita adrenalina e, espero, poucas cuecas molhadas!

Desejem-se sorte!

filhonanna

(Foto: Arquivo pessoal)

Pais&Filhos TV