Bebês

5 nutrientes que os bebês precisam

Eles contribuem para um crescimento saudável durante o primeiro ano de vida da criança

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

shutterstock_44964787

(Foto: Shutterstock)

Ferro

Ferro é um nutriente essencial para a vida. Como parte da hemoglobina, um componente encontrado nos glóbulos vermelhos, ajuda a carregar o oxigênio através do corpo. Durante os primeiros 4 a 6 meses, os bebês terão um estoque suficiente de ferro, que foi construído durante o tempo em que eles estiveram no útero. Depois desse tempo, isso precisa ser reposto. Por sorte o leite materno ou as fórmulas, se for esse o caso, suprimem a necessidade de ferro. Mas provavelmente não será o suficiente, principalmente quando a comida sólida é introduzida. Encontre comidas ricas em ferro para ajudar na necessidade de o bebê de ingerir pelo menos 11 gramas de ferro por dia.

Ômega 3 e ácidos graxos

Anúncio

FECHAR

Esses elementos servem para ajudar no desenvolvimento do cérebro e da visão da criança. DHA e EPA, tipos de ômega 3, são necessários para a vida, mas são coisas que o nosso corpo não produz. Sendo assim você precisa comprar para ter certeza que seu bebê está consumindo esses nutrientes. Você pode começar introduzindo peixes como salmão, a partir dos 6 meses de idade. Embora vários tipos de frutos do mar possuam ômega 3, eles também são ricos em mercúrio. Prefira salmão que tem níveis de mercúrio mais baixos.

Proteína

As proteínas são extremamente necessárias para o desenvolvimento do seu bebê. Por que? Porque são literalmente parte de cada célula do corpo deles. Elas trabalham duro para construir, manter e reparar os tecidos corporais. Proteínas são feitas de aminoácidos, alguns deles são essenciais, o que significa que o corpo não pode ficar sem. O seu filho precisa adquirir esses aminoácidos pela alimentação.

Vitamina D

Todo mundo sabe que os bebês precisam de cálcio para ter ossos saudáveis, mas você sabia que a vitamina D também ajuda a fortalecer os ossos? “Vitamina D é muito importante para a mineralização óssea, bem como a imunidade”, diz Angela Lemond certificada como especialista em nutrição pediátrica nos Estados Unidos.

Zinco

Esse mineral é necessário para formar proteínas no DNA. Vandana Sheth, da Academia de Nutrição e Diabetes, aponta que o zinco também é responsável por manter a imunidade ativa. Bebês que têm deficiência desse nutriente podem ter o crescimento prejudicado e ser mais suscetíveis à infecções. “Quanto seu bebê precisa? Crianças de 0 a 6 meses de idade precisam de 2 miligramas de zinco por dia, já de 7 a 3 anos o ideal são 3 miligramas diárias”, explica Sheth.

Leia também:

Boa Notícia: supermercado troca lixo reciclável por alimentos

Boa Notícia: as três doenças que vão desaparecer

3 vacinas que a grávida precisa tomar