Criança

Você pode, sim, mudar a rotina alimentar do seu filho nas férias

Use esse período para criar pratos diferentes e fazer a criança participar ainda mais do preparo das refeições

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: Shutterstock)

(Foto: Shutterstock)

Férias é tempo de se desligar da escola, curtir e ser ainda mais feliz. Por isso fique a vontade para mudar a rotina do seu filho durante esse período, principalmente na alimentação.  Não tem problema ele passar a comer em horários diferentes e alimentos que ele não está acostumado a ter no prato. Mas é importante você montar uma dieta nova nesse período de recesso escolar para ele seguir e não deixar as férias chatas.

A nutricionista Renata Buzzini, mãe de Carlos Eduardo, indica uma atividade superlegal: faça uma programação dos novos cardápios em formato de quadro, painel, jogo ou anotações em uma lousa. Dessa maneira, seu filho pode participar ainda mais da dinâmica na casa, já que agora vai ter tempo de sobra.

Incentive a criança a ir para a cozinha. Ela pode preparar junto com você o café da manhã, almoço, lanche da tarde e o jantar.

Anúncio

FECHAR

Tente evitar receitas que você costuma fazer sempre durante o ano, traga alimentos diferentes que deixem o prato ou o lanche divertido e colorido. Dá para vocês viajarem na imaginação e criarem coisas incríveis.

Os horários das refeições também podem ser alternados, mas o combinado é não fugir das regras da nova programação que vocês estabeleceram desde o começo. Lembre-se, rotina é sempre importante para a criança, mesmo na farra.

Agora, se rolar um cineminha, que sempre cai bem nas férias, você pode seguir essas três dicas que a Renata indica para não perder o controle da quantidade de consumo da pipoca:

1. Após escolherem o filme que irão assistir, façam uma refeição rica em frutas antes de partir para a sessão. Pode ser uma salada de frutas, vitamina ou espetinho de morangos com uvas. Dessa maneira, seu filho não chega com tanta fome e aceitará comer menos durante a atração.

2. Fuja dos baldões de pipoca, compre um pacote individual pequeno para cada um, sem adição de itens extras, como sal ou manteiga.

3. Para acompanhar a pipoca, uma opção que a criança vai gostar é um chá gelado.

Com essas dicas seu filho estará bem alimentado e sua relação com ele estará ainda mais próxima.

Leia também:

6 atividades ótimas para as férias do seu filho

Veja 5 passos para organizar a rotina na volta às aulas

10 dicas para colocar em ordem o sono das crianças