Criança

Chocante! A partir dos 6 anos as meninas começam a se sentir inferiores aos meninos

Um estudo alerta para a importância de discutir igualdade de gênero na infância

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: Shutterstock)

(Foto: Shutterstock)

A revista científica norte-americana Science publicou um estudo que mostra uma triste realidade. Depois de realizar experimentos com 400 crianças entre 5 e 6 anos, eles concluíram que é a partir dessa idade que os estereótipos de gênero começam a surgir. Ou seja, é com essa idade que as meninas começam a se sentir menos inteligentes e menos capazes que os meninos.

De acordo com os pesquisadores, este é um fenômeno cultural, relacionado ao que a criança vivencia em seu mundo, não sendo possível relacionar a um único fato. Nos testes realizados, foi observado que, a partir dos 6 anos, as meninas começam a perceber o gênero masculino como sinônimo de “inteligência”.

A questão de gênero é um problema tão presente nas escolas, que a ONU Mulheres lançou uma campanha para o volta às aulas, intitulada #EscolaSemMachismo, que visa a prevenção da violência contra as mulheres na escola e também na universidade.

Anúncio

FECHAR

Esse pode até parecer um tema espinhoso e duro para tratar com crianças, mas é justamente na infância que essa noção de igualdade de gênero deve começar, antes mesmo dele aparecer, aos 6 anos de idade.

Para saber mais sobre o programa da ONU Mulheres, que foi criado em parceria com a UNESCO e a União Européia pra professoras, professores, alunas e alunos, clique aqui.

Leia também:

Padrão de gênero: 5 filhos de celebridades que não dão a mínima para isso

Menina questiona a diferença de gênero dos brinquedos

Dia das Meninas chama atenção para a desigualdade de gêneros