Bebês

Colo de mãe traz mais benefícios para prematuros do que incubadoras

O estudo foi feito com o acompanhamento de jovens que nasceram prematuros na década de 1990

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

contato-pele-recem-nascido

(Foto: Shutterstock)

Você sabia que uma das melhores coisas para um prematuro é mantê-lo coladinho ao corpo da mãe ou do pai? Isso porque novos estudos publicados no Jornal Pediatrics mostraram vários benefícios do contato pele a pele. O toque pode até mesmo trazer mais efeitos positivos do que o tempo na incubadora.

Para a pesquisa ser feita, um grupo de jovens nascidos nos anos 1990 foram acompanhados desde o nascimento. Todos eles eram prematuros ou tinham nascido abaixo do peso. No final do estudo foi comprovado que, comparados aos bebês que ficaram em incubadoras, os que tiveram contato e toques diretos são hoje jovens adultos menos agressivos, menos impulsivos e menos hiperativos.

Os benefícios não param por aí: ainda incluem ganhar peso mais rápido, um melhor desenvolvimento do cérebro e melhorar a saturação do oxigênio do organismo. São consequências comportamentais e sentimentais difíceis de serem captados, mas que, de qualquer forma, foram comprovados. Ainda não se pode afirmar as causas disso, mas já vale para orientar as mães e pais de prematuros.

Anúncio

FECHAR

Nesse tipo de toque, o bebê permanece no colo da mãe ou do pai com o contato pele a pele, só usando fraldas e um cobertor para permanecer aquecido. “Esse tipo de contato faz com que bebês prematuros e abaixo do peso fiquem mais saudáveis não só a curto prazo, como a longo prazo,” afirma Peter Singer, CEO do Grand Challenges Canada, um dos responsáveis pelo estudo.

Leia também:

Como acontece a vacinação de bebê prematuro

10 coisas que você precisa saber sobre bebês prematuros

10 causas que levam à prematuridade